O uso pedagógico de vídeos em sala de aula

 

EE Professora Joelina de Almeida Xavier

Sala de Tecnologia Educacional.

Turno Noturno

Professor Luis Antonio Melke Bittar

 

Projeto: O uso pedagógico de vídeos em sala de aula e na Sala de Tecnologia Educacional.

 

 

1.0 Justificativa:

 

Assim como a escolaridade e o conhecimento, o uso das novas tecnologias é indispensável ao cotidiano de todo o cidadão, a informática, os vídeos educacionais, a televisão, o rádio, entre outros são recursos que vieram para ficar e servir a humanidade e o seu uso como ferramenta pedagógica deve estar inserida no meio escolar como recurso pedagógico que auxilia o professor em sua cátedra e ao aluno em sua aprendizagem.

O uso de vídeos na Sala de Tecnologia Educacional e na sala de aula da EE Professora Joelina de Almeida Xavier tem contribuido para que os alunos e os professores compreendam o uso desse recurso tecnológico de maneira ampla, na prática educativa, assumindo uma postura multidisciplinar de integração de conteúdos ou até mesmo de aprofundamento de disciplinas com a utilização de filmes adequados ao ensino e aprendizagem em conformidade com a realidade dos alunos criando assim uma nova motivação aos trabalhos escolares, tornando a aprendizagem mais interessante e incentivando os nossos alunos e professores a uma melhor formação cultural, reduzindo também a repetência e evasão escolar.

  

2.0              INTRODUÇÃO

 

Não se pode negar que a educação é à base de toda uma sociedade, estando intimamente ligada aos conceitos desta e sendo formadora de tais. Qualquer mudança em um dos setores que fazem parte do emaranhado sistema do qual fazemos parte, exige um aperfeiçoamento de sua base, a fim de que ela seja sólida o suficiente para suportá-la.

A civilização tem passado por constantes transformações. Ao viajarmos pelo tempo, na História da humanidade perceberemos no início as sociedades Primitivas, as sociedades hidráulicas, a Grécia antiga como berço da Democracia, o império Romano, o Período Helenístico, o Sistema Feudal, as Grandes Navegações, a Revolução Francesa, a Revolução Industrial, a Independência dos Estados Unidos, o Capitalismo, a Revolução Russa, as duas Grandes Guerras Mundiais, a Guerra Fria e a Globalização. Transformações estas que ocorreram com lutas ou paz, ao longo do tempo, mas nunca ocorreram na velocidade que estão acontecendo às transformações advindas com a segunda revolução industrial, com a automação e com a era da informática e das comunicações.

O Século XX, que precedeu ao novo milênio, recebeu inúmeras inovações tecnológicas, tais como o motor à explosão, os meios de comunicação, a informática, a televisão, o automóvel... Foi marcado por um bombardeamento de novas idéias, filosofias, estruturas sociais e políticas. Veio como conseqüência da revolução industrial e da revolução comercial, a disputa acirrada por novos mercados, o Neocolonialismo, o Imperialismo, o aumento das desigualdades e as duas grandes guerras mundiais que por si determinaram novos rumos para a humanidade, através da guerra fria, tornando a princípio um mundo bipolar: O Capitalismo X Socialismo. O sistema capitalista venceu a grande batalha e engoliu o Socialismo.

Atualmente convivemos com a fase do capitalismo industrial monopolista. A Guerra Fria acabou com o fim da União das Republicas Socialistas Soviéticas e com a queda do muro de Berlim e o mundo tornou-se multipolar e globalizado. As inovações tecnológicas permitiram uma internacionalização cultural e econômica. As empresas multinacionais proporcionam um maior controle dos países desenvolvidos sobre os subdesenvolvidos.

O fenômeno da globalização ou mundialização da economia segue por dois caminhos, que se fundem: interdependência e competitividade, provocando variações nas cotações das bolsas de valores e oscilações no valor do Dólar.

A organização social é determinada pela organização mundial da economia. A sociedade tornou-se um espelho das relações transnacionais. Organizada em níveis materiais, julga, mede e valoriza os homens pelo seu papel na economia de giro do mundo capitalista.

É fácil imaginar como é o homem desta sociedade, preocupado em produzir mais no menor espaço de tempo, a fim de ganhar o suficiente para usufruir todas as novidades tecnológicas disponíveis. A grande concorrência determina a valorização dos níveis de escolaridade de uma pessoa. O cidadão deve ser alguém preparado para integrar-se em sua sociedade, para isso lhe é cobrado um conhecimento dinâmico de tudo que se passa ao seu redor, não só em sua cidade ou país, mas em todo o mundo.

A educação, hoje, tem a obrigação não só de livrar as pessoas do analfabetismo ensinando-as a ler e escrever, mas cabe a ela a difícil função de formar cidadãos pensantes, capazes de formar idéias e compreender os fatos e acontecimentos, tirando suas próprias conclusões e críticas a respeito dos aspectos acima citados. Como as mudanças estão acontecendo muito rapidamente não será possível assimilar todas as coisas, mas tirar a visão do que nos interessa, o que só será possível se tivermos uma base educacional consistente.

Esperamos poder dar a nossa parcela de colaboração aos alunos e professores da Escola Estadual Professora Joelina de Almeida Xavier a formar esta visão, através da Sala de Informática e do uso dos vídeos educativos, contribuindo assim com a formação do conhecimento e de uma melhor compreensão das transformações que ocorrem em nossa sociedade. Tentaremos fazer com que todos percebam que será apenas pela escola que irão minimizar as grandes diferenças sociais e econômicas existentes em nossa sociedade.

 

 

4.0 Objetivos Gerais

  

·        Utilizar os vídeos como recurso pedagógico e complementação de conteúdos.

·        Utilizar o vídeo como recurso ilustrativo das aulas e teorias explicadas aos alunos.

 

5.0 Objetivos específicos:

 

·        Incentivar a produção de vídeos como meio de aprendizagem e complementação de conteúdos.

·        Utilizar os vídeos como uma nova forma de comunicação dos conteúdos aos alunos.

·        Despertar a curiosidade nos alunos, em relação aos novos e velhos conteúdos trabalhados em sala de aula ou na STE.

·        Contribuir com a visualização de conteúdos abstratos, tornando-os concretos, podendo ser visualizados de uma forma real, através de um vídeo.

 

 6.0 Metodologia

 Uma das preocupações da atualidade é com a valorização do ser humano no social, físico, histórico e cultural. Através da necessidade de se inserir desde criança, em fase de alfabetização até a segunda fase do ensino médio, dentro das condições básicas da educação, procurar a melhor forma de fazê-la.

Diante de todas as necessidades que o aluno precisa, a modernização e a aplicação das tecnologias tornam-se prioridades na escola e na Sala de Tecnologia Educacional, que poderão oferecer e proporcionar infinitas informações para a melhoria do conhecimento e ampliação cultural de todos os envolvidos no processo ensino aprendizagem e podem ser aplicadas em diversas áreas do conhecimento, podendo até desenvolver o raciocínio lógico do aluno.

Serão utilizados vídeos pedagógicos baixados da internet – www.youtube.com.br – por exemplo, ou outros sites. Vídeos pedagógicos provenientes de CD, DVD, fitas vhs e que possam ser utilizados adequadamente dentro do que determina os parâmetros curriculares nacionais e estaduais.

O DVD, a TV, o Data Show, os computadores da STE e o Note book da escola terão papel determinante no desenvolvimento desse projeto, pois serão esse4s recursos tecnológicos que irão transmitir e rodar os vídeos escolhidos aos nossos alunos.

 7.0 Cronograma

 

 O Projeto será realizado durante todo o ano de 2011 e o uso dos recursos serão disponibilizados de acordo com as necessidades dos professores e disponibilidade dos mesmos.

 Avaliação:

  

A avaliação será feita de uma forma constante, tendo com alvo todos os usuários da Sala de Tecnologia Educacional, será ampla, ou seja, avaliar-se-á de forma quantitativa e qualitativa o uso dos vídeos das seguintes formas:

 A compreensão dos alunos em relação aos vídeos e conteúdos transmitidos pelos mesmos, promovendo a interdisciplinaridade e o trabalho em conjunto.

 Utilização de variadas fontes de informações.

 Habilidade dos alunos e professores em aprender e construir conhecimentos, contando com a contribuição trazida pelos vídeos.

 Interação entre professores/alunos.

 Aquisição de novos valores e horizontes.

 Transformação dos alunos: passivos para ativos, expondo seu ponto de vista sobre a mensagem dos vídeos trabalhados.

  

 

9.0 Referências Bibliográficas:

 

·        Como utilizar o video na sala de aula?

            http://tecnologiaucb.blogspot.com/2007/09/propostas-de-utilizao-do-vdeo-na-           sala.html

             Acesso em 31/03/2011.

·        Tecnologia e educação http://profsilviomaurotavares.nireblog.com/post/2007/05/24/tecnologia-e-educacao

            Acesso em 31/03/2011.

O vídeo na Sala de aula. Acesso em 07/03/2011